Foto: Tecnologia no ecommerce: 5 avanços que você precisa conhecer
Voltar

Tecnologia no ecommerce: 5 avanços que você precisa conhecer

A tecnologia mudou sobretudo a maneira como conduzimos nossas vidas. Como resultado, ela tem afetado empresas de todos os tamanhos em todos os setores. Afinal, os hábitos de consumo mudaram, bem como a oferta de produtos e serviços.

Por isso, a experiência online é crucial para garantir que as necessidades e expectativas dos clientes sejam atendidas ao visitar seu ecommerce. 

Desde sistemas de gerenciamento de dados até a publicação de conteúdo nas redes sociais, há diversas maneiras de melhorar a experiência online de um cliente.

Sendo assim, com as técnicas corretas, você é capaz de satisfazer seus clientes e ganhar sua fidelidade. 

Afinal, assim como a tecnologia mudou a forma como vemos o mundo e vivemos nosso cotidiano, o ecommerce também teve um enorme impacto em todo o mundo.

A tecnologia está ajudando os clientes a acompanhar suas compras e alterando as formas em que esses consumidores interagem com os varejistas online. Estas tendências, por sua vez, estão afetando o quadro geral.

Afinal, como a tecnologia muda as transações entre empresas e consumidores, estão surgindo novas oportunidades para ambos os lados. 

Por exemplo, os consumidores agora têm acesso a uma gama de ferramentas que os ajudam a medir preços, encontrar alternativas, localizar lojas e receber cupons.

Os varejistas, por sua vez, também são beneficiados, pois a tecnologia os ajuda a estabelecer conexões mais fortes com os consumidores e a construir suas marcas mais rapidamente.


Inscreva-se em nosso canal no Youtube


Siga-nos no Instagram


Tecnologia no ecommerce: Os avanços e os impactos

A tecnologia está revolucionando a forma como as transações entre empresas e consumidores ocorrem. Portanto, mesmo as empresas que nunca consideraram ter um ecommerce se depararam com um dilema de investir nessas mudanças tecnológicas.

Sem dúvida, a tecnologia no ecommerce mudou os padrões de consumo e ajudou cada vez mais os clientes com conhecimento tecnológico a acompanhar suas compras, comparar preços com alguns cliques do mouse e alterar a forma como os usuários acessam uma gama de produtos.

De acordo com o quadro geral, com os últimos desenvolvimentos tecnológicos, novas oportunidades crescem e evoluem constantemente para dar suporte tanto aos varejistas  quanto aos usuários.

Com uma gama de ferramentas, o comércio eletrônico ajudou as marcas a construir conexões mais fortes com os consumidores e estimular atitudes mais positivas em relação a suas marcas.

Além disso, a mudança dos padrões de consumo e a participação dos smartphones impulsionou mudanças maciças nas experiências de ecommerce e continuou como o principal combustível por trás da evolução e crescimento desse setor.

  • Tecnologia no ecommerce: Aplicativos móveis 

A princípio, os consumidores estão mais propensos a usar seu computador ou smartphone para fazer compras ao invés de se dirigirem a uma loja física. Por isso, as lojas online têm uma enorme vantagem competitiva sobre as lojas físicas por causa de sua acessibilidade e disponibilidade.

Graças à disponibilidade cada vez maior dos ecommerces, os consumidores agora têm a conveniência de fazer compras quando e onde quiserem. E atualmente, uma grande parte dos clientes acessa a internet em seus smartphones.

Portanto, os aplicativos móveis se tornaram uma parte essencial do dia a dia do cliente. Como resultado, os ecommerces que querem sobreviver à forte concorrência devem ter um site móvel para melhorar a experiência do usuário.

Nesse sentido, os aplicativos móveis também tornaram mais fácil para os clientes fazer compras e folhear as diferentes ofertas dos varejistas. 

Além disso, os aplicativos também servem como um lembrete da marca para os consumidores e, de certa forma, eles ajudam a mudar a relação entre o cliente e o ecommerce.

Afinal, os aplicativos estão sempre presentes na tela inicial do comprador e servem como um lembrete passivo para os clientes. Por isso, se torna mais fácil para um cliente abrir o aplicativo e pesquisar por um produto que ele precisa, bem como se tornou mais fácil receber ofertas e promoções.

Assim, o ecommerce pode estar na mente do consumidor 24 horas por dia, aumentando o conhecimento da marca, coisa que não era possível há poucos anos. Entretanto, não basta apenas ter um aplicativo para o seu ecommerce, o aplicativo precisa ser de fácil utilização.

Ao mesmo tempo, também é importante que o aplicativo seja atualizado regularmente. Você pode ter que mudar uma parte do aplicativo ou mesmo todo o aplicativo, dependendo das necessidades de mudança do seu público-alvo.

  • Tecnologia no ecommerce: Notificações push

Agora, os aplicativos estão oferecendo aos varejistas uma oportunidade de se conectar com os consumidores que vai além dos limites de uma loja física. 

Nesse sentido, as marcas não precisam mais esperar que os consumidores entrem em sua loja ou vejam um anúncio para se envolverem com sua empresa.

Agora, as empresas podem chegar aos consumidores em qualquer lugar. Mesmo quando os clientes não estão fazendo compras. 

Como dito anteriormente, a presença constante do aplicativo de uma marca no telefone de um cliente o lembra de que essa marca está por aí, como uma opção.

Antigamente, os varejistas costumavam mandar apenas e-mails para enviar ofertas e conteúdos a seus clientes, mas isso dependia exclusivamente do cliente verificar sua caixa de entrada. 

Além disso, os e-mails muitas vezes se perdiam na pasta de spam e nunca chegavam ao cliente.

Nesse sentido, os e-mails que chegam aos clientes, muitas vezes são ignorados devido a outros e-mails comerciais ou pessoais com maior prioridade. Os clientes também podem apagar os e-mails sem lê-los, por exemplo.

Felizmente, seu ecommerce não depende mais completamente do e-mail, pois a tecnologia tornou possível enviar notificações push para o telefone celular do cliente. 

Portanto, o que antes os clientes perdiam devido aos filtros de spam ou outras prioridades de e-mail agora podem aparecer diretamente em sua tela inicial.

Como resultado, isso tornou mais fácil captar a atenção do cliente e é uma das melhores maneiras de promover novos produtos e ofertas. Afinal, os varejistas podem ter certeza de que os clientes notarão estas notificações.

  • Tecnologia no ecommerce: Experiência personalizada 

O fato de que os consumidores querem experiências de compra personalizadas não é novidade, afinal não há nada novo nisso. Para melhor atender os clientes, os ecommerces estão descobrindo que eles precisam se adaptar aos novos padrões estabelecidos pelas melhorias tecnológicas.

Afinal, cada comprador sempre vai adorar uma experiência de usuário personalizada que é feita exclusivamente para ele. Por isso, o avanço da tecnologia no ecommerce tornou mais fácil para os varejistas dar a seus clientes a experiência personalizada que eles estão procurando.

Além disso, a tecnologia tem melhorado os padrões de atendimento ao cliente. As empresas agora podem atender aos clientes usando diferentes canais como plataformas de mídia social, assistentes pessoais, boots de bate-papo e muito mais.

Atualmente, os clientes usam uma variedade de plataformas para acessar serviços e marcas. Por isso, as empresas devem se certificar de que tenham sua presença em todas as plataformas que o consumidor está acessando.

Uma das maiores vantagens dessas plataformas de mídia social é que mesmo um grande varejista pode realmente interagir diretamente com os clientes. Isto leva a uma melhor compreensão das exigências e expectativas dos clientes.

Comentários e opiniões de clientes são algumas das maiores fontes de feedback. Se uma empresa quer se sobressair, então deve levar esse feedback a sério e realizar ações para fazer melhorias em seus serviços e produtos.

Você também deve garantir um tempo de resposta rápido aos clientes através dessas diferentes plataformas de mídia para que sua empresa pareça engajada.

  • Tecnologia no ecommerce: Conveniências e ofertas

Os ecommerces oferecem uma grande variedade de produtos e serviços. Por exemplo, no caso das lojas de vestuário ou acessórios, as lojas podem apresentar uma maior seleção de tamanhos, produtos, cores e mais opções que o cliente pode visualizar em seus smartphones.

Mas há algumas outras características que também influenciam os clientes para que eles se sintam mais inclinados ao ecommerce. Os clientes podem rastrear o status de seu pedido.

Eles podem verificar se seu pedido já foi enviado, a localização atual ou se já saiu para entrega. Há também outras vantagens como melhores preços e opções de entrega no mesmo dia. Por isso, a tecnologia está mudando todo o conceito de compras.

Em resumo, os consumidores gostam da conveniência de uma entrega mais rápida com preços mais baixos. Além disso, a conveniência tem sido a força número um por trás do sucesso dos sites de comércio eletrônico.

Com a crescente demanda por conveniência, no entanto, os recursos de entrega no mesmo dia trazem novos desafios ao ecommerce. Por enquanto, os sites que visam ganhar uma vantagem competitiva estão oferecendo aos consumidores entregas mais rápidas com preços mais baixos.

  • A democratização do ecommerce

Antigamente, o comércio costumava ser dominado pelas grandes empresas. Além disso, as grandes marcas capturaram a maior fatia do mercado, enquanto as pequenas empresas vendiam apenas para sua comunidade local.

Nesse sentido, era muito difícil fazer com que uma pequena loja conseguisse destaque global. Mas com o ecommerce e o avanço da tecnologia, é possível que empresas de todos os tamanhos se destaquem no mercado.

Todas as empresas, sejam elas grandes ou pequenas, podem alcançar uma base de clientes maior. Por exemplo, existem sites de ecommerce que tornam possível a presença das empresas menores junto com as marcas maiores. Hoje os consumidores podem conhecer até mesmo as marcas menores com um clique de um botão.

Esta é também uma das maiores vantagens não apenas para as pequenas empresas, mas também para as empresas que estão começando.

Em geral, o futuro das pequenas empresas parece cada vez mais promissor devido ao ecommerce e a tecnologia.


Veja também: A Shopee vai sair do Brasil? Descubra a verdade


Conclusão

Em 2022, as empresas estão prontas para entrar em uma nova era de desenvolvimento e avanço que irá empurrar ainda mais as fronteiras do crescimento empresarial.

O uso da tecnologia no ecommerce ajuda a aumentar o desempenho das vendas na loja virtual, através da automação, racionalização e otimização dos processos, personalização, entre outras coisas.

Cada vez mais avançada, a tecnologia traz recursos capazes de racionalizar os processos, personalizar a experiência de compra, melhorar o atendimento ao cliente e, assim, aumentar o volume de vendas.

Portanto, conhecer as tendências e investir nessas ferramentas é uma premissa básica para que a loja virtual não perca mercado.

 

 

Começa com a simplicidade de uma escolha. A força de uma decisão.

[mc4wp_form id="155"]

Você também vai gostar desses conteúdos

Amazon FBA no Brasil: Uma Análise Detalhada

O comércio eletrônico evoluiu consideravelmente nos últimos anos. Modelos de…

Ver mais

Vale a pena vender na Amazon?

Será que vale a pena vender na Amazon? Antes de…

Ver mais

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.